27.08.2019
"Fazer juntos uma vida sustentável"

Um dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) é o que fala sobre energia acessível e limpa. Este objetivo trata de assegurar o acesso universal, confiável, moderno, e a preços acessíveis aos serviços de energia, aumentando substancialmente a participação de energias renováveis na matriz energética global até 2030, e, dobrando a taxa global de melhoria da eficiência energética.

Na quarta-feira à noite (21/08), a CBM esteve presente em um evento promovido pelo Sicredi, no qual se reuniram associados para falar sobre energia fotovoltaica, e reforçar a preocupação com o meio-ambiente. O Sicredi, como entidade preocupada com a questão ambiental, é financiador de projetos de sistemas fotovoltaicos.

No evento, Rodrigo P. Correa, presidente da Agesolar, abordou detalhes sobre a aquisição de materiais e equipamentos, além da situação atual do mercado. Também foram ouvidos depoimentos de associados que já têm suas instalações concluídas. Como etapa final, cerca de dezessete fornecedores do Estado expuseram seu trabalho, e tiraram dúvidas dos presentes.

A CBM esteve presente como uma das expositoras. Em parceria com a QSI Engenharia, há cerca de mais ou menos um ano, a empresa atua nessa área de energia fotovoltaica. É uma área em crescente ascensão, não somente por reduzir as contas de energia, mas também pelo apelo ambiental que carregam!

A energia solar fotovoltaica nada mais é que a energia obtida através da conversão direta de luz em eletricidade através do efeito fotovoltaico. O custo deste tipo de sistema baixou gradualmente nos últimos anos devido ao grande crescimento e à economia de escala. O produto hoje é mais barato e mais eficiente, fazendo com que o custo médio de geração elétrica seja competitivo com fontes de energia convencionais.

Conforme nosso parceiro Flávio, este foi um evento “Realizado pelo Sicredi para seus associados e demais interessados, com a finalidade de esclarecer dúvidas que a população ainda tem referente ao sistema solar. (...) Além disso, como pontos altos do evento, foram discutidos cuidados que o cliente deve ter para adquirir um sistema solar: observar quais são as importadoras que estão vendendo os produtos; linhas de crédito; o cenário atual da matriz energética do país; e o que pode vir a acontecer com os sistemas fotovoltaicos a partir do próximo ano”.

http://3.94.150.200/os-ods/ods7/

 

Compartilhar

voltar